Concorrente do “Hell’s Kitchen” sente-se mal e desiste do programa

UM PROBLEMA DE SAÚDE PREGOU UMA PARTIDA A DANIELA, QUE SE VIU OBRIGADA A DESISTIR DO “HELL’S KITCHEN”

Madalena Costa


Sem ninguém o fazer prever e até sem os colegas e Ljubumor Stanisic imaginarem, a concorrente Daniela decidiu abandonar a cozinha do programa “Hell’s Kitchen”.


Durante as primeiras provas do episódio emitido este domingo, Daniela começou a sentir-se mal e, após algumas queixas, acabou por ser assistida no hospital.


A concorrente falhou as duas primeiras provas e o desafio final – em que o restaurante do “Hell’s Kitchen” abre para receber convidados – uma vez que ainda não estava bem para regressar. Aquando o desafio final, a equipa encarnada, à qual pertencia Daniela, perdeu a prova e foi a eliminação.


Perto de serem expulsos, estavam João e Cândida, mas Daniela pediu a Ljubomir Stanisic que não o fizesse.


Já de regresso à cozinha do “Hell’s Kitchen”, a concorrente explicou que teve um problema de saúde – um quisto nos ovários que, entretanto, rebentou – que a impede de continuar no programa. E, por isso, pediu ao destemido chef que aceitasse a sua desistência e que não expulsasse nenhum dos seus colegas.



A gestora financeira de 28 anos já, há uns anos, travou uma luta contra um tumor no sistema digestivo. Foi esse problema de saúde que a levou a vários tratamentos e a isolar-se um pouco. Durante esses tempos, Daniela descobriu que a sua paixão estava na cozinha e foi aí que começou a aperfeiçoar a sua técnica.


Daniela teve de optar por colocar a sua saúde em primeiro lugar e abandonou assim a cozinha mais quente e temida do país que, mais uma vez, levou a SIC a ser líder de audiências, este domingo.


  • Partilha:

Artigos Recomendados
Top