Justin Bieber faz rastas e é acusado de apropriação cultural

A MUDANÇA DE VISUAL DE JUSTIN BIEBER PROVOCOU MUITAS CRÍTICAS E ACUSAÇÕES DE APROPRIAÇÃO CULTURAL


É com cada vez mais frequência que Justin Bieber altera o seu visual – seja por gosto ou por razões profissionais.


Desta vez, a passar umas férias com a mulher, Hailey Baldwin, o músico canadiano decidiu voltar a usar rastas no cabelo - um visual que já tinha adotado há cinco anos.



À semelhança do que aconteceu no passado, as rastas de Justin Bieber não agradaram a todos. Depois de o artista ter partilhado fotografias da sua mudança de visual, as críticas fizeram-se ouvir e houve até quem o acusasse de apropriação cultural.



Os comentários passam por “ofensivo”, “desrespeitoso” e até à exigência de um pedido de desculpas.


As rastas ou dreadlocks, como são também conhecidas, estão tradicionalmente relacionadas com a cultura e a identidade africana. Usá-las é, assim, visto por alguns como apropriação cultural.


Até ao momento, Justin Bieber não fez comentários sobre as acusações de que foi alvo e continua a desfrutar de umas férias ao lado da mulher.


  • Partilha:

Top