​Quem é o português quase na NBA?


Considerado uma das maiores promessas do basquetebol nacional, Neemias Barbosa Queta, de 19 anos e 2,11 metros de altura, assinou contrato com o Utah State, equipa do campeonato universitário de basquetebol, para a temporada de 2018-2019 e pode muito bem ser o primeiro português a jogar na NBA!

.


Segundo o site oficial dos Utah State Aggies e o jornal a Bola, dia 7 de Maio, Neemias Queta, viu o seu nome aparecer na lista dos jogadores que vão participar no NBA Draft Combine, evento apenas acessível por convite da própria NBA.

Os testes que constituem o Draft Combine realizam-se em Chicago, entre 15 e 19 de maio.

A estes testes assistem treinadores, diretores gerais e olheiros dos conjuntos da NBA, que procuram pela próxima grande estrela para as respetivas equipas.



Formado no Barreirense e jogador do Benfica na última época, Neemias mudou-se para os Utah State em setembro de 2018 mas começou logo a dar nas vistas no mundo do basquetebol.

Num dos primeiros jogos, o poste português apontou 24 pontos, cinco desarmes de lançamentos e nove ressaltos, além de ajudar a equipa a vencer a universidade Saint Mary's, por 80-63


Neemias Esdras Barbosa Queta está desde 2018 a viver nos Estados Unidos, para onde se mudou, depois de ganhar uma bolsa universidade americana através da Next Level Sports Portugal, empresa que ajudou na transferência.

O seu dia a dia divide-se entre as aulas, os treinos e os jogos. Apesar de ter começado a jogar aos 10 anos, só aos 17 começou a levar o basquetebol mais a sério



Ao anunciar a chegada do jogador português, Craig Smith Treinador de Basquetebol do Utah State afirmou que "era com muito entusiamo que os Aggies recebiam Neemias Queta para jogar em Logan nos próximos 4 anos

Neemias é um jogador muito talentoso e uma pessoa fantástica que se integra na perfeição no nosso espiito . Gosta de treinar, tem vontade de vencer e é um ótimo colega”



O Utah State soma 20 presenças na fase final do Torneio de Basquetebol Universitário norte-americano (conhecido por March Madness), a última em 2011. Segundo um dos treinadores, Eric Peterson, o português poderá ser uma das atrações da NCAA.


  • Partilha:

Top