Concerto com plantas na plateia em vez de pessoas

A ÓPERA DE BARCELONA REABRIU E DEU UM CONCERTO A 2300 PLANTAS PARA MOTIVAR UMA REFLEXÃO

Ana Margarida Oliveira


É estranho e é bonito, ao mesmo tempo.

A estranheza é-nos causada porque no lugar das pessoas estão plantas e a beleza é-nos provocada porque a plateia parece um jardim e também pela reflexão que os organizadores do concerto pretenderam provocar.


A ideia foi convidar a natureza a estar presente na reabertura da ópera de Barcelona, numa altura em que o distanciamento entre espetadores é necessário e ainda para tomar consciência de que “a natureza ocupou os espaços que lhe roubámos”, nas palavras do produtor executivo Eugenio Ampudio.




Todas as plantas são oferecidas aos profissionais de saúde de Espanha, uma forma simbólica de nunca esquecer o seu empenho heroico, durante a pandemia.

Certo é que a ópera reabriu, com “Crisantemi” de Puccini tocado para plantas, e as imagens correm mundo pelo inusitado da situação.


  • Partilha:

Top