Abertura de bares e discotecas a partir do dia 1 de outubro: o que muda em Portugal

PORTUGAL AVANÇA PARA A TERCEIRA FASE DO DESCONFINAMENTO A PARTIR DO DIA 1 DE OUTUBRO. VÊ AQUI O QUE MUDA


Portugal está cada vez mais próximo da meta definida para a fase de reabertura da sociedade: 85% de população vacinada. Por isso, o Governo apresentou, hoje, a terceira fase de desconfinamento, que terá início dia 1 de outubro, o que significa mudanças na nossa rotina com o alívio de várias restrições. O país vai passar, então, de estado de contingência a estado de alerta.


O que muda:

  • Reabertura de bares e discotecas, com exigência de ceritificado de vacinação à entrada;
  • Fim dos limites horários;
  • Restaurantes, cafés e pastelarias sem limite máximo de pessoas por grupo, quer no interior quer em esplanadas;
  • Fim da exigência de certificado digital em restaurantes, estabelecimentos turísticos e alojamento local;
  • Fim do limite de lotação no comércio, casamentos e batizados e espetáculos culturais;
  • esso a grandes eventos culturais, desportivos ou corporativo;


No entanto, o certificado digital covid-19 é exigido para:


  • Viagens por via aérea ou marítima;
  • Visitas a lares e estabelecimentos de saúde;
  • Acesso a grandes eventos culturais, desportivos ou corporativo.


Já a máscara continua a ser obrigatória em transportes públicos, lares, hospitais, salas de espetáculo e eventos e grandes superfícies.


  • Partilha:

Top