Já podes comprar a tua camisola poveira original e ajudar os artesãos

ESTA PLATAFORMA FOI CRIADA PARA APROXIMAR OS CONSUMIDORES DOS ARTESÃOS DAS CAMISOLAS POVEIRAS

Jéssica Santos


Depois de toda a polémica em torno da marca Tory Burch e a camisola poveira, não houve ninguém que ficasse sem conhecer esta peça de artesanato da Póvoa de Varzim.


Os portugueses reclamaram a origem da camisola poveira, quando Tory Burch colocou à venda no seu site uma cópia da mesma como uma criação sua e inicialmente promovida como uma peça de inspiração mexicana. O preço também gerou alguma polémica: 695 euros, 10 vezes mais do que o preço das originais.



A autarquia da Povoa de Varzim, que sempre teve um papel muito ativo nesta polémica, criou agora uma plataforma para aproximar comerciantes e consumidores e onde se pode comprar modelos originais de camisolas poveiras, feitas por artesãos poveiros.


As receitas revertem na totalidade para os artesãos responsáveis pela produção dos modelos vendidos.

Uma arte que faz parte da história de Póvoa de Varzim há mais de 150 anos e que por isso merece a sua preservação e reconhecimento. Com toda a pressão mediática, a marca Tory Burch acabou por retirar a camisola poveira do site e emitiu um pedido de desculpa a todos os portugueses.



Ainda assim, o Ministério da Cultura disse que vai avançar com meios judiciais para combater a "apropriação abusiva" da camisola poveira. Com todas as atenções centradas no site da marca, houve quem destacasse também as semelhanças inegáveis entre uma coleção de loiça da marca e a loiça Bordallo Pinheiro.


Serão apenas coincidências?


  • Partilha:

Top