BORA RFM - 27 FEVEREIRO 2021

  • Copia o seguinte endereço:


  • Há poucas semanas, as redes sociais e as revistas encheram-se com críticas sobre o convite oferecido à filha de Maria Cerqueira Gomes, para ser uma das protagonistas de uma nova novela da TVI.


    Houve muitas vozes que se ergueram contra a oportunidade dada a Francisca Cerqueira Gomes, alegando a sua falta de formação na área e apelando ao facto de existirem muitos atores licenciados, que lutam diariamente por uma oportunidade de trabalho em representação.



    As críticas que se fizeram ouvir foram dirigidas a Cristina Ferreira, diretora de entretenimento e ficção da TVI, acusando-a de que favoreceu a filha de Maria Cerqueira Gomes para integrar o elenco da novela “Festa é Festa”.


    No entanto, parece que Cristina Ferreira e Gabriela Sobral, diretora de conteúdos e produção da Plural, voltaram com a palavra atrás.


    De acordo com a revista “TV Mais”, as críticas fizeram-se ouvir junto das duas diretoras, que decidiram afastar a filha de Maria Cerqueira Gomes deste novo projeto de ficção.


    Com apenas 18 anos, Francisca Cerqueira Gomes terá assim de esperar por uma outra oportunidade na área da representação.



    Sevilha tem uma cor especial!

    E o que lhe dá cor, vida, cheiro, ambiente e energia, para além de muitas, muitas outras coisas, são também as laranjeiras espalhadas pela cidade.

    Sevilha está cheia de laranjas. São mais de 48 mil laranjeiras que preenchem a paisagem desta cidade espanhola e que perfumam o ar.

    Só que esta enorme quantidade de laranjeiras, na cidade, é uma grande dor de cabeça para aqueles cuja profissão é manter as ruas de Sevilha limpas e para os habitantes que têm o azar de escorregar sobre elas. Isto porque grande parte das laranjas da cidade - sobretudo as amargas - acabam no chão.


    Sensíveis a esta realidade, uma equipa de engenheiros espanhóis, juntamente com a empresa municipal de água Emasesa, decidiu desenvolver um projeto piloto que consiste em criar eletricidade através do metano produzido pelos restos fermentados de laranja. Desta forma, reaproveita-se aquilo que as ruas de Sevilha têm para oferecer: laranjas.



    Os responsáveis por este projeto explicaram, ao The Guardian, que vão ser utilizadas 35 toneladas desta fruta para gerar energia para uma das estações de purificação da água. As laranjas serão transportadas para uma instalação que produz eletricidade a partir de matéria orgânica.


    Esta equipa de engenheiros verificou que 100 quilos de laranjas podem produzir 50KWh, o que permite dar energia a cinco casas por dia.
    Se todas as laranjas de Sevilha forem recicladas - estima-se que sejam produzidas cerca de 15 mil toneladas - poder-se-ão alimentar 73 mil casas.

    Sevilha é conhecida como o maior laranjal do mundo.
    Estas árvores já se encontram na cidade há cerca de 1000 anos e todos os anos produzem toneladas de laranjas. Tantas que a cidade emprega 200 pessoas só para colher os frutos caídos.



    José Carlos Pereira formou-se em medicina e decidiu dedicar-se à medicina estética.

    Apesar desta sua nova profissão ter sido muito comentada, José Carlos Pereira continua a mostrar que está muito feliz por ter tomado esta decisão.


    O médico e ainda ator chegou a ajudar outros colegas na linha da frente do combate do Covid-19, há uns meses, já fez parte de várias equipas médicas e de algumas clínicas e, agora, tem um novo desafio em mãos.


    Recentemente, José Carlos Pereira anunciou no Instagram que é o novo diretor de uma clínica especializada na área do tratamento capilar e transplante.



    Apesar de estar focado na sua carreira de médico, José Carlos Pereira revelou, há poucas semanas, que, em breve, pode voltar à televisão.


    No “Stand-Up na Hora”, no Café da Manhã da RFM, Salvador Martinha fez questão de comentar a novidade de José Carlos Pereira e não deixou nada por dizer.

    Ouve e vê aqui!


     


    Verde, verde e mais verde. Portugal tem destinos incríveis que fazem sonhar qualquer um e agora vão a votos para os 100 melhores destinos verdes do mundo.


    De norte a sul do país, são várias as cidades, regiões portuguesas e até ilhas que estão nomeadas para estes prémios.

    A região de Alto Minho, Águeda, Arouca, Açores, Cascais, Dark Sky Alqueva, Lagos, Serras do Socorro e Archeira, Sintra, Torres Vedras e a Região Oeste dependem agora do júri que é o público.



    Portugal está a concorrer com países de todos os continentes e só isso já é motivo de orgulho.


    Para eleger o vencedor, a escolha é feita unicamente pelo voto do público. Podes votar até amanhã e os vencedores serão conhecidos a 21 de março.

    Aqui o que tens de ter em conta é a sustentabilidade do turismo que se pratica nestes destinos, na hora de votar. Portugal precisa de ti para divulgar ao mundo os nossos destinos, que são um verdadeiro paraíso na terra. E para dar ao turismo a energia e a esperança que perdeu por força da pandemia.


    Há muito que Isabel Silva, apresentadora da TVI, não aparecia no ecrã e a sua falta foi notada, especialmente, na emissão do 28.º aniversário do canal de Queluz de Baixo.


    A partir daí, sucederam-se várias questões e mensagens nas redes sociais sobre se a apresentadora ainda faria parte da equipa da TVI.


    A resposta chegou, esta segunda-feira, com o anúncio de Isabel Silva, a confirmar a sua saída da TVI. Na publicação, a apresentadora revelou que saiu devido à sua “vontade de continuar a crescer, a aprender e a evoluir”.



    As mensagens de apoio de fãs e de caras da TVI sucederam-se na caixa de comentários, e a de Cristina Ferreira saltou à vista de muitos.


    A diretora de entretenimento e de ficção da TVI escreveu que está “de portas abertas” para voltar a recebê-la. Só que esta afirmação de Cristina Ferreira não agradou a grande parte dos internautas, que não tardaram a reagir.


    As redes sociais encheram-se com mensagens de indignação por Cristina Ferreira ter permitido a saída de Isabel Silva, acusando-a de que só defende “os amigos” e de “rainha das cunhas”.



    Por agora, ainda não se sabe se Isabel Silva tem já uma proposta de um outro canal de televisão, mas os fãs anseiam por novidades.



    No calor do jogo, em qualquer modalidade desportiva, dizem-se “coisas”, acontecem “coisas”. Já o sabemos.

    Naqueles minutos todos, a pressão, a tensão, a adrenalina, o querer vencer levam muitos jogadores de vários desportos, em equipa ou a pares, a dirigir palavras menos recomendáveis aos adversários, fruto da tensão da competição. É normal.


    Sucede que, findo o jogo, é também normal e faz, sobretudo, parte das regras de fair play e da competição saudável cumprimentar o adversário e aceitar o cumprimento do adversário. Esta prática é comum em vários desportos, em particular no rugby.

    Também no futebol é um comportamento frequente e bonito de se ver.


    No passado jogo entre o FC Porto e o Sporting CP, acabado o jogo, que terminou num empate, um jogador do Sporting dirigiu-se a Francisco Conceição, jogador do FC Porto, a fim de o cumprimentar. Este último recusou o cumprimento. Acontece que os jogadores de futebol, e os desportistas em geral, são modelos de comportamento para todos os outros jovens que os admiram, que os seguem e de quem são fervorosos adeptos.

    Por esta razão, todas as atitudes dos jogadores e dos desportistas podem influenciar atitudes e validar comportamentos que não se devem ter.


    Foi exatamente isto que Lili Caneças disse ao Café da Manhã da RFM.

    Com palavras motivadoras, positivas e inspiradoras, Lili Caneças mostrou a importância das boas maneiras e das boas práticas de fair play no desporto, em particular no futebol, seguido tão atentamente por milhões de adeptos e de admiradores.


    Ouve aqui as palavras de Lili Caneças ao Café da Manhã da RFM


     


    Vacinar é a palavra de ordem, este ano. É a exceção que o país e o mundo esperavam para furar o recolhimento domiciliário. Porque a vacina é o que nos vai trazer a nossa vida de volta.


    A maioria das pessoas que estão a ser vacinadas atualmente são idosos com mais de 80 anos. E a pensar neles e nos que têm dificuldade de mobilidade ou deslocação, a Câmara de Lisboa criou um serviço gratuito de táxis que irão levar as pessoas aos centros de vacinação.



    É só ligar para o número 218 172 021 e solicitar um táxi. Não se paga nada e inclui a viagem de ida e de regresso a casa. É importante referir que este serviço se destina às pessoas com mais de 80 anos, ou que têm mais de 50 com patologias e dificuldades de mobilidade.


    Se conheces algum idoso de Lisboa e que vai ser vacinado, entretanto, fala-lhe sobre este serviço. É importante espalhar a palavra, sobretudo às pessoas que não têm o mesmo acesso que nós à internet e redes sociais.



    É, atualmente, a série que está em número 1 na Netflix, em Portugal, e já por isso está a dar que falar. “Ginny e Georgia” chegou à Netflix, esta segunda-feira, e aborda a relação entre uma mãe de 30 anos e uma filha adolescente.


    No último episódio da série, existe um diálogo entre a mãe e a filha, que discutem sobre homens e relações amorosas. A certa altura, a filha, Ginny, lança a pergunta à mãe, Georgia: “E isso interessa a quem? Mudas mais vezes de homem do que a Taylor Swift”.


    A frase não agradou a Taylor Swift, que recorreu às redes sociais para acusar a Netflix de fazer uma “piada profundamente sexista” e “preguiçosa”.



    Na sua publicação, a artista pediu para que se parasse de “degradar mulheres que são trabalhadoras árduas”, lembrando o facto de que março é o mês em que se assinala o Dia Internacional da Mulher.


    Perante a posição tomada por Taylor Swift, milhares de fãs ficaram do seu lado e não descansaram até enviar várias reclamações à plataforma de streaming.



    A modelo, Dj, atriz e apresentadora, Isabel Figueira (que não é nada a José Figueiras!) foi a convidada do live do Wi-Fi, dia 1 de Março no Facebook e Youtube da RFM.

    A recuperar da emissão de 6 horas do programa "Somos Portugal" no domingo, a apresentadora gostou tanto da conversa com o Rodrigo Gomes e o Daniel Fontoura que no final até agradeceu o convite e a a companhia da RFM nesta noite de segunda- feira.

    Ao longo de uma hora que passou bem depressa, Isabel Figueira conversou sobre os seus muitos projectos e jogou "À Cara Podre" com o Wi-Fi dizendo que adorava fazer teatro, que não se quer vingar de nenhum ex-namorado porque tem tudo bem resolvido, revelando qual foi o último piropo que recebeu e que ...já lhe aconteceu estar a desfilar com uma camisola e sem perceber quetinha as maminhas de fora.

    A atriz de "Amar Demais" contou ainda neste Live, seguido por milhares de pessoas, que, no início da sua carreira, lhe disseram: “És só uma cara bonita, não vais mais longe do que isto". Isabel revelou ainda porque é que lhe chamavam "Libelinha", e falou do assédio de que foi vítima quando posou para a revista Maxmen...e disse que até lhe batiam no carro só para meter conversa.

    Ao Wi-Fi, Isabel Figueira confessou que não é fácil gerir o confinamento com dois filhos em telescola e sempre a comer, disse que gostava de trabalhar no Brasil, revelou os requisitos mínimos que o seu próximo namorado tem de cumprir, e contou a história da vez em que se enganou a mandar uma mensagem mais picante para uma pessoa que achou que ela estava interessada.

    Se quiseres ouvir todas estas histórias clica em baixo no video



     

 

PUB

Top