A viseira substitui o uso de máscara?

A LEI REFERE QUE É OBRIGATÓRIO O USO DE MÁSCARA OU VISEIRA, MAS ESTES DOIS EQUIPAMENTO NÃO TÊM A MESMA FUNÇÃO

Jéssica Santos


Portugal começa a voltar à (nova) normalidade e a utilização de máscara no dia a dia é obrigatória. No entanto, têm surgido algumas dúvidas: Afinal, podemos usar só a viseira? Qual a diferença entre máscara e viseira? E será que uma substitui a outra?


A Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, disse numa conferência de imprensa que “a viseira não é um método que dispense a utilização de uma máscara”.



As viseiras “protegem muito bem os olhos e o nariz, mas já não protegem tão bem – porque é aberto em baixo – gotículas expelidas através do espirro, da tosse e até mesmo da fala”.


Por isso, a viseira deverá ser usada com uma máscara, de forma a ter a boca e o nariz protegidos de qualquer partícula potencialmente contaminada pelo novo coronavírus.

A DGS ressalva ainda que, com máscara ou sem máscara, com viseira ou sem viseira, o distanciamento social é para se manter, bem como a higienização das mãos.


  • Partilha:

Top