Há um país que recusa a vacina porque diz que está livre da Covid-19

HÁ MESES QUE A TANZÂNIA NÃO PUBLICA DADOS RELACIONADOS COM A COVID-19

Jéssica Santos


Acreditam que vivem numa realidade paralela, onde a Covid-19 faz parte do passado. A Tanzânia não tem qualquer plano de vacinação, nem quer a vacina, porque diz estar livre do vírus desde junho de 2020.


A verdade é que há vários meses que não são publicadas estatísticas do surto e há famílias que já perderam pessoas que apresentaram sintomas de Covid-19, mas que nunca foram testados.

Um jornalista da BBC esteve no país e falou com algumas famílias que dizem que não se manifestam por terem medo do Governo.

Para além de recusar a vacina, o presidente da Tanzânia também não acredita na eficácia das máscaras e dos testes.



Apesar da Tanzânia não acreditar no poder da ciência para combater uma pandemia, que para eles não existe, um oficial do Estado divulgou, recentemente, a receita de um batido de gengibre, cebola, limão e pimenta, que, segundo disse, ajuda a prevenir o coronavírus.


Neste momento, é impossível avaliar o verdadeiro impacto da pandemia neste país. Há pessoas a sofrer em silêncio, devido ao negacionismo de outros. A pandemia faz parte da nossa realidade e cabe-nos a nós combatê-la.


  • Partilha:

Top