Queres comprar o presente de Natal perfeito e não sabes como? Segue estas 7 dicas

COMPRAR O PRESENTE DE NATAL PERFEITO NÃO TEM DE SER PENOSO, NEM DISPENDIOSO


O Natal está a chegar e sabes o que isso também significa? Sim, isso mesmo, comprar alguns presentes. Família, amigos, namorados e namoradas. A lista de presentes é mais extensa do que a tua criatividade? Se queres fugir ao clássico perfume, coffrets ou cartões presentes, chegaste ao sítio certo.

Temos algumas dicas que te vão garantir o presente perfeito e original. Vamos surpreender os clássicos “não preciso de nada” ou “não quero nada, não te incomodes” e dar os melhores presentes de sempre sem nos endividarmos.


Faz do presente um evento


Muitas vezes, um presente perfeito não é o presente em si, mas tudo o que o envolve. A embalagem e a forma como é oferecido. Faz do presente um evento. Em vez de entregares apenas o presente em papel de embrulho comum, pensa na experiência que é recebê-lo. Faz uma caça ao tesouro, envia uma mensagem secreta, ou coloca-o dentro de uma caixa de cartão enorme cheia de quebra-cabeças e cuja solução vão dar ao presente. Nunca subestimes a diversão que é receber um presente.



E que tal dar literalmente uma experiência?


Uma viagem, um jantar num restaurante bom, uma noite num hotel, um passeio de barco, uma visita a um museu ou exposição, um bilhete para um concerto ou espetáculo, uma massagem, uma experiência num parque radical. Há muita oferta, para todos os gostos e carteiras e será de certeza memorável.


Lista pessoal


Faz uma lista com todas as coisas que a pessoa gosta e tem interesse. Depois associa a cada tópico, algo relativo a isso. Uma pessoa que gosta de estar em casa, de ver filmes e séries e de dormir pode sempre receber um pijama quentinho e um mês de subscrição de uma plataforma de streaming.

Olha para o passado


Pensa no passado da pessoa a quem queres oferecer um presente. Imagina que quando era criança, adorava jogar Nintendo. Podes sempre procurar uma nos sites em segunda mão ou em lojas vintage e comprar com vários jogos.
Se a pessoa em causa terminou recentemente a sua tese de mestrado, podes oferecer-lhe o diploma emoldurado para se relembrar daquilo que conquistou. Há sempre objetos que, por mais simples que sejam, têm o poder de nos transportar para memória felizes.

Exagera


Torna o presente numa coisa em grande. Se a pessoa a quem vais oferecer um presente adora chocolate preto, dá-lhe um carregamento para um ano. Ou se adora café, dá-lhe cápsulas ou frascos para os próximos meses. Ou se a preferência é loiça, dá-lhe um conjunto de pratos bonitos.



Dá um pouco de ti


Não há nada que supere presentes pessoais, porque não há nada que compre os valores sentimentais. Se tens jeito para as artes - não precisas de ser artista -, dá-lhe algo feito por ti. Não tem de ficar perfeito, nem ser uma obra-prima. Se for feito com amor e se isso estiver espelhado no presente, será sempre um sucesso.
Desde quadros, vasos pintados por ti, cerâmica, esculturas, tricot ou potes com doces ou bolachas.


Dar a uma causa


Se a pessoa em causa já tiver tudo o que precisa – o que desconfiamos – podes sempre doar dinheiro a uma causa em que ela acredita. Se é amante de animais, podes doar dinheiro a um canil ou associação, se já fez voluntariado, dá dinheiro à instituição onde o fez, se é ativista, ajuda a sua causa a crescer com dinheiro ou visibilidade. Há sempre mil e uma formas de ajudares.
Estas são algumas dicas que te podem ajudar a tornar este Natal ainda mais mágico. A procura pelo presente perfeito não tem de ser penosa nem dispendiosa. Um pouco de tempo para pensar e muita dedicação podem criar memórias muito felizes.

Depois disto, arriscas-te a ficar eternizado como a melhor pessoa a dar presentes de Natal.


  • Partilha:

Top