Telemóveis podem não entrar mais nas escolas

A PROPOSTA PARTE DO MINISTRO DA EDUCAÇÃO DO REINO UNIDO, QUE AFIRMA QUE OS TELEMÓVEIS "AFETAM A DISCIPLINA E A ORDEM"

Madalena Costa


Nos dias que correm, são poucos os alunos que não têm um telemóvel e que não o utilizam na escola, seja dentro ou fora das salas de aula.


Contudo, parece que estes dispositivos podem ter os dias contados nas escolas do Reino Unido.



A proposta é do ministro da educação do país, Gavin Williamson, que afirma que os telemóveis devem ser banidos, uma vez que a pandemia “afetou a disciplina e a ordem dos alunos”. E, por isso, é um objeto que vai prejudicar a atenção nas salas de aula e o aproveitamento escolar.


Além disso, para o ministro da educação, os telemóveis não podem ter lugar nas salas de aula e no recreio porque ajudam a perpetuar o “cyber bullying” e as redes sociais têm um “grande impacto na saúde mental” dos estudantes.


Assim sendo, os telemóveis devem ser deixados em casa e substituídos por “exercício saudável e brincadeiras à moda antiga”.



Apesar da proposta do ministro de educação, a última palavra é dada às escolas, que podem ou não aceitar.


No entanto, o governo do Reino Unido compromete-se a reunir com a direção das escolas para adotarem outras medidas sobre a utilização dos telemóveis, mesmo que não seja a sua eliminação definitiva.


A proposta não reuniu consenso e há já quem a critique, uma vez que tudo aquilo que passa por uma proibição pode levar a atitudes radicais.


É essa a opinião de Mica-May Smith, que trabalha numa empresa de formação educacional do Reino Unido, que pede uma “abordagem colaborativa”, em que se definam horários e áreas para a utilização dos telemóveis, em vez de uma proibição.


O objetivo das escolas é também o de “preparar os alunos para o mundo dos adultos” e, na realidade, colocar essa proposta em prática poderia ser, de acordo com Mica-May Smith, um erro.


Por agora, não existe ainda uma decisão tomada por parte das escolas do Reino Unido, mas, no mundo, há já países que a colocaram em prática, como é o caso de alguns estabelecimentos de ensino de França e da China.


  • Partilha:

Artigos Recomendados
Depois da pandemia, vamos cont...Depois da pandemia, vamos continuar a dar apertos de mão?O APERTO DE MÃO É UM GESTO TÃO ANTIGO QUE HÁ ANTROPÓLOGOS QUE DIZEM QUE FAZ PARTE DO NOSSO ADNmaisTatuar em animais é uma prátic...Tatuar em animais é uma prática diária e comum, mas tem já os dias contadosA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO RIO DE JANEIRO TOMOU UMA DECISÃO SOBRE AS TATUAGENS EM ANIMAIS E VAI PASSAR A PROIBI-LAS E A PUNIR QUEM AS FAZmaisEsta carteira Louis Vuitton é ...Esta carteira Louis Vuitton é mais cara do que um avião realESTA MALA CUSTA MAIS DE 30 MIL EUROS, TEM FORMA DE AVIÃO, MAS NÃO VOA.maisHenrique Sá Pessoa e Ricardo C...Henrique Sá Pessoa e Ricardo Costa estão na corrida para os melhores chefs do mundoOS DOIS CHEFS PORTUGUESES PODEM SER CONSIDERADOS OS MELHORES DO MUNDO NA COMPETIAÇÃO "THE BEST CHEF AWARDS"maisA primeira vez que o Diogo Piç...A primeira vez que o Diogo Piçarra disse "amo-te" a Mel Jordão, ela riu-se! Descobre porquêDIOGO PIÇARRA E MEL ANDARAM À "TAPA NA CARA" NO LIVE DO WI-FImaisDia 18 o RFM Somnii Radio Show...Dia 18 o RFM Somnii Radio Show recebe convidados muito especiais!NA MADRUGADA DE 18 DE ABRIL RICH & MENDES VÃO RECEBER NO RFM RADIO SHOW....maisPorto. Artista português homen...Porto. Artista português homenageia sem-abrigoÉ NA FOZ DO DOURO QUE MRDHEO PINTOU UMA HOMENAGEM AOS SEM-ABRIGOmaisEstes Escudos (lembras-te dele...Estes Escudos (lembras-te deles?) valem milhares de Euros!AINDA TENS ESCUDOS EM CASA? ESTAS MOEDAS VALEM MILHARES DE EUROS. É CASO PARA IRES JÁ VASCULHAR AS GAVETAS LÁ EM CASA.maisMúsicos portugueses unem-se co...Músicos portugueses unem-se contra o discurso de ódioUMA MUDANÇA NAS FRASES QUE OUVIMOS SEMPRE PODE FAZER A DIFERENÇA NA LUTA CONTRA O DISCURSO DE ÓDIO. E A ESTA CAUSA JUNTARAM-SE OS MÚSICOS PORTUGUESESmais
Top