Os cursos superiores mais inúteis da Europa

Dizer a alguém para não seguir a sua vocação é errado. Qualquer profissão, desde que feita com empenho, carinho e persistência pode ser sinónimo de sucesso e satisfação pessoal.

Dito isto, queres conhecer os cursos superiores mais inúteis da Europa? Bora lá.

1. Stand Up Comedy na Universidade de Kent (Reino Unido)

O que é que têm em comum Jerry Seinfeld, Larry David e Ricky Gervais, para além de serem três dos maiores stand up comedians de sempre? Todos andaram na faculdade, nenhum cursou Stand Up.

Mas, se quiseres passar alguns anos a aprender como escrever o teu material e como actuar em frente a 200 pessoas esta é uma boa hipótese. Tens mesmo é de ir até Kent, no Reino Unido. Este é o único curso superior de Stand Up Comedy no mundo.

via GIPHY

2. Ciências da Informação e da Biblioteca na Universidade de Belgrado (Sérvia)

Como o próprio nome indica, este é o curso indicado se quiseres passar a tua vida a gerir uma biblioteca. O que pode ser divertido, se fores o Sam de Game of Thrones. Mas, spoiler alert, até ele se cansou de tantos livros.

O problema maior deste curso é mesmo a escassez de saídas profissionais que se se resumem... a... trabalhar em bibliotecas. No entanto, apenas os livros te podem trazer pérolas de conhecimento, como esta:

via GIPHY

3. Numismática na Universidade de Viena (Aústria)

"O que é numismática?", perguntas tu. Numismática é a fabulosa ciência que se dedica ao estudo das moedas. Moedas novas, velhas e tudo o que está relacionado com o vil metal (ou papel) que faz mexer o mundo.

O que seria excelente, se não estivéssemos em 2019. Hoje em dia que pagas tudo com cartão ou até com o telemóvel. Nesse sentido talvez seja melhor pensares duas vezes antes de dedicares a tua carreira académica à numismática. Acreditamos que, para aí em 2006, alguém teve esta conversa "O quê? Estás a pensar em tirar um curso sobre VHS?" E todos sabemos como é que esta história acabou.

via GIPHY

4. Ciências e Cultura dos Alpes na Universidade de Milão (Itália)

Com temas tão fortes como "ciências do solo" ou "cultura arbórea", este curso sobre os Alpes é leccionado pela Universidade de Milão. Não perguntes, também não sabemos porquê. No entanto, todas as aulas são realizadas em Edolo, uma bonita vila localizada no Monte Adamello, nos Alpes, claro.

Todos os alunos ficam habilitados a trabalhar nos serviços públicos alpinos, como museus, parques nacionais e organizações locais. Mas, na época da globalização, talvez não seja a melhor ideia tornares-te especialista numa área tão específica do globo.

via GIPHY

E assim termina a nossa lista de cursos mais inúteis da Europa. Sendo que o saber nunca é inútil e não ocupa lugar!

Aprendemos isto no curso inútil "Frases Feitas para Terminar Conteúdos para Site."

  • Partilha:

Top