Lisboa ou Porto: qual é a cidade mais cara para visitar?

UM RELATÓRIO ELABORADO PELO BARÓMETRO DOS CORREIOS DO REINO UNIDO ANALISOU AS CIDADES EUROPEIAS MAIS CARAS PARA VISITAR

Madalena Costa


Por esta altura do ano, Portugal estaria a receber milhares de turistas, se não fosse a pandemia que estamos a viver. De entre as várias regiões do nosso país, Lisboa e Porto tendem a receber mais atenção e, por isso, mais visitas. Tanto numa cidade como na outra, existem museus e exposições para explorar, recantos escondidos que encantam qualquer um e iguarias de comer e chorar por mais, que não deixam nenhum estrangeiro indiferente.



Com a pandemia de Covid-19 e com as restrições aplicadas aos voos e às deslocações entre países, Portugal enfrenta ainda uma redução drástica do número de turistas recebidos, uma vez que o turismo é um dos setores mais impactados pela crise gerada pela pandemia. Mas, nem tudo é mau e até podemos olhar para esta situação de uma forma menos negativa.


Pelo menos, é isso que o Barómetro dos Correios do Reino Unido pretende fazer ao analisar os preços dos alojamentos, da alimentação e das entradas em várias atrações de 50 cidades europeias, após o levantamento de algumas medidas restritivas.


“O Barómetro dos Correios do Reino Unido de 2020 revela que os turistas podem poupar algum dinheiro enquanto viajam com responsabilidade. O nosso relatório mostra que os viajantes podem economizar até 26% nas despesas em certas cidades em relação aos valores anteriores a março” lê-se no site.


Lisboa ocupa o 10.º lugar da lista britânica, que analisou vários valores. Na capital portuguesa, um café pode custar cerca de 1,50€, uma cerveja anda à volta dos 2€ e um jantar com três pratos e uma garrafa de vinho para duas pessoas ronda, à volta, dos 53€. Já em relação a transportes, um passe para dois dias, com viagens ilimitadas, custa 13,50€ e a visita ao Museu dos Jerónimos, por exemplo, fica a 10€. Para dois dias, o custo médio em Lisboa é de 218€, tal como este relatório analisou. Em comparação ao ano passado, o valor médio era de 200€, uma poupança de 18€.



Já em relação ao Porto, que ocupa a 13.º posição, uma visita de dois dias pode sair mais cara do que em Lisboa. Na Cidade Invicta, um café sai mais barato do que em Lisboa, custando à volta de 1€, mas uma refeição com três pratos para duas pessoas fica a 63€. As entradas nos museus, em transportes e alojamentos foram também analisados e chegou-se à conclusão de que o preço médio para dois dias de visita no Porto fica a 221€ - um valor superior ao de Lisboa.



Os primeiros lugares desta lista britânica pertencem à Europa de Leste, que conta com várias cidades consideradas as mais baratas, tal como é o caso de Lviv (Ucrânia), Tirana (Albânia) e Bucareste (Romênia). Estas cidades aparecem nos três primeiros lugares, já que apresentam os melhores preços em relação aos valores das refeições, de cafés, bebidas, entradas em museus e alojamentos.


Feitas as contas, Lisboa é considerada uma cidade mais barata para visitar do que o Porto. Mas, quem visita Lisboa pode dar sempre um saltinho ao Porto, que é tão bonito como a capital portuguesa.


Não te esqueças de respeitar as medidas de prevenção, mesmo que viajes para outra cidade portuguesa ou até além-fronteiras, exigidas nos aeroportos e nos respetivos destinos. Todos os cuidados continuam a ser poucos!


  • Partilha:

Top