Xutos comemoram 4 décadas de rock com novo álbum


Em 2019 os Xutos e Pontapés comemoram 4 décadas ao leme do rock português... a "dar no Duro"


Dia 13 de janeiro de 2019 os Xutos e Pontapés completam 40 anos de carreira.

Foi a 13 de janeiro de 1979, nos Alunos de Apolo, em Lisboa, que os Xutos e Pontapés deram o seu primeiro concerto e esta é a data que o grupo sempre gostou de assinalar!



Em Janeiro de 2004 Zé Pedro contou assim à RFM como é que tudo começou:


Zé Pedro falou sobre o 1º concerto dos Xutos e Pontapés


40 anos depois do seu primeiro concerto, é com o novo álbum “Duro” que a maior banda de rock portuguesa vai assinalar 4 décadas de vida.

"Duro", já em pré-venda, será editado a 18 de janeiro e lançado com dois concertos – o primeiro dia 25 de Janeiro no espaço LAV - Lisboa ao Vivo e o segundo, dia 1 de fevereiro, no Hard Club do Porto.



No facebook da banda o novo disco “Duro” que inclui temas gravados por Zé Pedro, o guitarrista e membro fundador dos Xutos falecido a 30 de Novembro de 2017, é anunciado como “Um legado de perseverança e persistência, de luto e de alegria, ansiedade e calma. Os Homens do Leme continuam assim, a navegar e a fazer aquilo que sempre falou melhor por eles: Rock em Português! Hoje e sempre!”

No inicio de 2018, pouco depois da morte de Zé Pedro, a banda anunciou que iria continuar e que incluiria num próximo disco temas que o músico tinha gravado em 2017.



A 29 de Junho de 2018, foi para uma tocante homenagem a Zé Pedro que os Xutos voltaram ao Rock in Rio Lisboa numa tarde em que, apesar da chuva (pouco dissolvente) reuniram em palco muitos amigos entre os quais o presidente da República.



A 19 de Julho foi com muitos músicos amigos, como Rui Reininho, Carlão, Manuela Azevedo, Tomás Wallenstein, Manel Cruz, Palma’s Gang, Ladrões do Tempo, Paulo Gonzo e João Pedro Pais, no espetáculo no“Who the f*ck is Zé Pedro?", que os Xutos voltaram a homenagear Zé Pedro no Festival Super Bock Super Rock – um concerto que a RFM também transmitiu em direto.



Precisamente, cinco anos depois de “Puro”, em Janeiro, Tim, Kalú, João Cabeleira e Gui estão de volta com “Duro” para comemorarem, com um álbum de originais, os 40 anos dos Xutos e Pontapés ao leme do rock português.


  • Partilha:

Top