Em entrevista, Joana Cruz recorda a batalha contra o cancro e o primeiro diagnóstico errado

A NOSSA JOANA CRUZ DEU A SUA PRIMEIRA ENTREVISTA EM TELEVISÃO, APÓS LHE TER SIDO DIAGNOSTICADO UM CANCRO DE MAMA


A nossa querida Joana Cruz falou, pela primeira vez, na televisão sobre a batalha que está a travar contra um cancro da mama.


Sempre positiva e muito inspiradora, a animadora do Wi-Fi da RFM conversou com Bárbara Guimarães, no programa “Júlia”, na SIC, sobre a sua infância, adolescência, vida adulta e, sobretudo, o momento em que descobriu que tinha uma grande luta pela frente.


Foi em dezembro que a Joana Cruz sentiu um alto na mama, descrevendo-o como uma “ervilha”, e decidiu ir fazer exames. O primeiro diagnóstico indicou “um quisto”, mas como a nossa Joana Cruz é de ideias fixas e não se contenta quando não há certezas, voltou a repetir os exames, tal como o seu sexto sentido e o seu corpo lhe diziam para fazer.


O segundo diagnóstico, feito num outro local e com diferentes médicos, chegou e confirmava que era um cancro de mama e aqueles primeiros momentos, tal como a Joana contou a Bárbara Guimarães, foram de “apneia” e caíram “uma, duas ou três lágrimas”.


A nossa enorme guerreira enfrentou a batalha com toda a garra, determinação e força que tem e, depois de 12 sessões de quimioterapias completas, aguarda a cirurgia em agosto.


Durante a entrevista com Bárbara Guimarães, a Joana Cruz deixou vários conselhos para um diagnóstico correto da doença e, sobretudo, sobre a importância da apalpação, tanto em homens como mulheres.



Que inspiração que és, querida Joana!!!


  • Partilha:

Top