Rolling Stones e Ed Sheeran pedem ajuda para salvar a indústria da música

ROLLING STONES E ED SHEERAN ESTÃO ENTRE OS NOMES DOS MAIS DE 1500 ARTISTAS QUE ASSINARAM UMA CARTA PARA O GOVERNO BRITÂNICO

Jéssica Santos


A indústria da música é um dos muitos setores afetados pela pandemia. O distanciamento social não encaixa no espírito dos concertos, e muitos dos artistas que conhecemos estão com as suas carreiras em pausa.


Com os instrumentos arrumados, os carros das digressões parados e toda uma equipa de profissionais sem trabalho, mais de 1500 artistas uniram-se para pedir ajuda ao governo britânico para salvar a indústria da música.

Ed Sheeran, Rolling Stones, Paul McCartney, Dua Lipa, Lewis Capaldi, Coldplay e Rita Ora são alguns dos nomes que assinaram uma carta endereçada ao Secretário da Cultura Oliver Dowden apelando a um apoio específico ao setor musical.



Por cá, a situação é semelhante. Os artistas e os profissionais do espetáculo desdobram-se em diferentes iniciativas para recomeçar a sua atividade e se “aguentarem” nestes tempos onde reina a incerteza.


De forma a mostrar uma união além-fronteiras, surgiu o movimento #LetTheMusicPlay, nas redes sociais, em que os artistas e fãs estão a publicar vídeos e fotografias do seu último concerto ao vivo.


  • Partilha:

Top